Infinitude

As estradas são muitas, destinos infindos, nessa infinita highway onde você me alcança. Me dirijo a você e você me dirige do banco de trás, vivendo uma vida fugaz de presente que entrevista o futuro entrevisto em meio das brumas passadas dessa estrada que ninguém sabe onde vai dar. Como sons, cheiros, tatos, gostos e imagens, tratos bem dados nas curvas do meu corpo, onde sempre você está, extrato abstrato de mim, indo sem saber aonde, refeita da noite calada em gemidos gritados à imensidão do caminho. Caminhamos como você sempre, e sempre comigo você na caminhada me leva adiante, nas facas de muitos gumes que aguçamos nos sentidos muitos.

Anúncios

Polissemize

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s