CORREIO DA MADRUGADA

Mosteiro_Jerónimos_abóbada (1)

Para caber o amor que você trouxe pra mim

meu coração é mais que catedral

pavilhão de exposições de Sampa

estádio olímpico

prédios pantagruélicos de gargântuas exuberantes

Lona de circo é pouco pra caber meu amor louco

Tábua de esmeraldas é barata,

meu amor não tem preço, nome ou endereço

Ele se move com vc,

anda, toma um monte de banhos e se enrola em cachinhos

escreve teses, salva o mundo e desenha coisas lindas.

Faz poesia,

se embriaga nas madrugadas malsãs e se recupera nos vegetarebos certinhos

historia a vida- minha, sua nossa, em grafites onipresentes num’alma

marca tudo em volta, envolve minha’alma

e beija, morde, almeja, planeja…

Esteja. Comigo, sempre, conosco tudo.

Te amo, peludo.

( Mavesper Cy Ceridwen, numa certa madrugada incerta, em 20 de abril de 2016, Bsb, of course)